O corpo
Toda reflexão sobre o corpo implica uma ética e uma metafísica, e, de certa forma, pode-se pensar a história da filosofia a partir das diferentes maneiras de enfocar o corpo. É a partir desta premissa que Michel Bernard analisa as diferentes abordagens do nosso corpo através da ciência e da filosofia modernas. Traçando um panorama de perspectivas críticas sobre a fisicalidade da nossa existência, e baseando seu raciocínio em diversos pensadores como Melanie Klein, Freud, Lacan, Foucault e Deleuze, o autor propõe uma desconstrução do conceito tradicional ocidental de "corpo" e uma desmistificação da imagem deste corpo como refúgio da individualidade em uma sociedade tentacular.