a religião do capital
Além de dialogar com a obra de Karl Marx e Friedrich Engels, os textos de Lafargue fazem também conexão com o pensamento de Charles Darwin e antecipam Capitalismo como religião (1921) de Walter Benjamin.
Iná Camargo costa destaca a análise de alguns mitos presentes nessa obra, como parte da pesquisa do autor no campo da antropologia.