Antologia de mitos, lendas e contos populares da América
Pensamento mágico em estado pulsante. Mitos de origem de existências livres, exuberantes e generosas. Poesia do modo de viver, organizada pela sensibilidade do poeta surrealista Benjamin Péret (1889-1959) com trajetória marcada pelo anticolonialismo. Antologia de mitos, lendas e contos populares da América, obra póstuma à qual o autor dedicou dezessete anos de sua vida, com tradução de Alexandre Barbosa de Souza.